Lê a nossa página e vê o que fazemos!

28 fevereiro, 2017

Experiência Emulsionante


Nos meses de fevereiro e março a Biblioteca Escolar Ferreira de Castro e os professores de Ciências Físico-química aplicam o projeto Newton gostava de ler no seu módulo I Experiência Emulsionante, a todos os seus 142 alunos de 7º ano, associando mais uma vez a leitura à experiência cientifica. É explorada a obra Notas de cozinha de Leonardo Da Vinci após o visionamento de um ppt sobre vida e obra do autor. Para além de se divulgarem receitas dos séculos XV e XVI, os alunos debruçam-se sobre o código de civilidade de Leonardo Da Vinci através de um jogo de cartões criado para o efeito. Em seguida os alunos vão bater natas com a ajuda de uma pedra e vão aprender o processo  que leva à formação de manteiga através da fricção. No final, todos experimentam a manteiga que fizeram barrada em tostas.








18 fevereiro, 2017

Atelier Conta Gotas







Dia 17 de fevereiro a Biblioteca Escolar Ferreira de Castro organizou na Escola EB1 nº 1 de Mem Martins do agrupamento, um atelier de contador de histórias intitulado Conta-Gotas, patrocinado pelo SMAS de Sintra. Os alunos e professores tiveram o privilégio de assistir à excelente contadora de histórias Ana Sofia Pereira, cuja expressividade, criatividade, empatia com o público, transportaram cerca de duzentos alunos à magia das palavras. Histórias de encantar e de mistério, misturaram personagens fantásticas às forças da natureza. Em todas as sessões vimos chover, o sol brilhar, o arco-íris encantar, a terra tremer, Reis, Rainhas e Princesas, lobos, tartarugas e pintainhos, castelos e montanhas. Foi mágico.

11 fevereiro, 2017

Semana da Internet Segura

Feito com Padlet
A Biblioteca Escolar Ferreira de Castro teve a iniciativa de construir um Padlet com provérbios recriados pelos alunos sobre o uso da Internet e a segurança que este exige. Nas aulas de português, alunos do segundo e terceiro ciclos depois de conhecerem provérbios populares portugueses, reinventaram-nos sob tema Internet e Segurança. Durante a semana de 6 a 10 de fevereiro os alunos dirigiram-se à biblioteca escolar e colocaram no Padlet as suas frases refletindo os seus conhecimentos sobre segurança na Internet. A adesão à iniciativa foi grande e o entusiasmo foi notório.






08 fevereiro, 2017

Juntos por uma Internet melhor


A 7 de fevereiro a biblioteca escolar Ferreira de Castro comemorando o Dia da Internet  Segura, com a colaboração da disciplina de T.I.C., proporcionou a cerca de sessenta alunos de duas turmas de 7º ano, a participação numa videoconferência promovida pela Equipa de Recursos e Tecnologias Educativas da Direção-Geral da Educação sob tema Marca a diferença: Unidos por uma Internet melhor, das 15h30 às 16h30 com o objetivo de informar sobre segurança na utilização da Internet e dos dispositivos móveis.

23 janeiro, 2017

Clube de Leitura:Os Meus Problemas




No passado dia 20 de janeiro reunido o Clube de Leitura da Biblioteca Escolar Ferreira de Castro, foi tema de debate o perfil do povo português através da obra de Miguel Esteves Cardoso, Os meus Problemas. O humor acutilante acompanhado por um realismo de observação sociológica, caracterizaram pormenores e por maiores da personalidade coletiva dos portugueses.


"Miguel Esteves Cardoso foi um jornalista que durante os anos 80 e início dos anos 90, teve uma voz ativa na vida social portuguesa, quer enquanto simples cronista do “Expresso” e “Público”, quer mesmo, enquanto membro permanente na “Noite da Má Língua”, onde ele e uns tantos batiam e evidenciam vários “podres” da nossa sociedade.
Dono de uma forma de se expressar extremamente mordaz mas bem objectiva, Esteves Cardoso era bastante corrosivo na forma como elaborava as suas análises, quer aquelas proferidas no programa de tv, quer as outras que foi escrevendo para os jornais.
E são precisamente algumas dessas crónicas, nomeadamente algumas publicadas no “Expresso” entre 1986 e 1987, numa coluna chamada “Os meus problemas”, que compõe este livro que tem tanto de brilhante como de hilariante.
Assim, este livro é simplesmente um conjunto de crónicas onde Esteves Cardoso opina sobre a forma de estar, ver e agir do povo português, evidenciando as suas mais carismáticas manias e fobias, sempre num tom irónico e mordaz.
Começando por “Cartas portuguesas”, as “classes automóveis”, “libertação dos maridos”, “a fogueira do ciúme”, “adeus, ó tchau, vai-te embora”, enfim, acreditem é dos livros mais hilariantes e ao mesmo tempo, um livro que toca em vários defeitos do povo português. Pese embora as distâncias, um género de Woody Allen.
E é curioso constatar que não é necessário escrever-se livros sérios, estudos filosóficos do “ser português”, pois qualquer um em a capacidade de análise e de formar opinião, no entanto, Miguel Esteves Cardoso demonstra uma capacidade de análise que vai além dessa simplicidade, ele, para além de evidenciar alguns dos “nossos” defeitos, demonstra o quão ridículo e caricata são muitas das situações que se sucedem dia após dia e, mais importante, a gravidade e importância que se dão a essas situações."

12 dezembro, 2016

Hora do Código





A biblioteca escolar da escola Ferreira de Castro participou na  «Hora do Código» que é  um movimento global de Programação, que atinge dezenas de milhões de alunos em mais de 180 países.
A atividade «Hora do Código Portugal», envolve os domínios «raciocínio matemático, abstração e representação espacial» transdisciplinar a todas as disciplinas curriculares. Decorreu online entre os dias cinco e onze de dezembro, e consistia em representar o Agrupamento, por ciclo, resolvendo doze tarefas gamificadas, ou seja, criar código visual, onde cada bloco representa uma ação ou ações algorítmicas. Com esta atividade os alunos tiveram uma primeira abordagem sobre programação, criando e otimizando sequências de instruções finitas - algoritmo, que culminam na consecução de um jogo.
         Salienta-se o empenho e o prazer de todos os alunos em resolver todas as tarefas que gradualmente se foram complicando, aumentando o seu grau de dificuldade.

         Quanto à avaliação da atividade todos os alunos conseguiram resolver até à oitava tarefa, do terceiro ciclo, salientando-se o aluno número vinte e seis, Pedro Pires, do 8º D e o aluno número vinte e um, Vladislav Kushniryna, do 8º G, que completaram todas as tarefas em cerca de quarenta minutos, tendo ainda otimizado todo o código.  A estes alunos foi-lhes atribuído um diploma de participação e mérito criado para o efeito.





08 dezembro, 2016

Introdução à Filosofia



        A Biblioteca Escolar Ferreira de Castro e o seu Projeto Saber Mais, pelo quinto ano consecutivo têm o prazer de receber o professor António Narciso da Escola Secundária Leal da Câmara para uma introdução à filosofia para cerca de trinta alunos de nono ano. Este ano o tema foi o Mito de Narciso em que os alunos puderam ser confrontados com as inquietações do pensamento filosófico no entendimento das relações humanas e do mundo. Em o Mito de Narciso, o amor por si mesmo libertado pelo auto conhecimento e pela capacidade de conhecer os outros, levou os alunos a confrontarem-se com valores como o altruísmo, a aceitação da diferença, em oposição ao egoísmo, vaidade, indiferença.